Política / Transparência

Agesul paralisa três contratos de obras no interior de MS

A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) paralisou três contratos relativos a obras em municípios do interior. Os extratos foram publicados na edição desta segunda-feira (18) do DOE (Diário Oficial Eletrônico). O primeiro, assinado com a Concrenavi Concreto Usinado para revitalização das avenidas Hayel Bon Faker e Marcelino Pires, […]

Adriel Mattos Publicado em 18/01/2021, às 12h34 - Atualizado às 12h41

Obras na Avenida Hayel Bon Faker devem ser entregues ainda em 2021. (Foto: Arquivo, Agesul)
Obras na Avenida Hayel Bon Faker devem ser entregues ainda em 2021. (Foto: Arquivo, Agesul) - Obras na Avenida Hayel Bon Faker devem ser entregues ainda em 2021. (Foto: Arquivo, Agesul)

A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) paralisou três contratos relativos a obras em municípios do interior. Os extratos foram publicados na edição desta segunda-feira (18) do DOE (Diário Oficial Eletrônico).

O primeiro, assinado com a Concrenavi Concreto Usinado para revitalização das avenidas Hayel Bon Faker e Marcelino Pires, em Dourados, foi interrompido por 120 dias (cerca de quatro meses), contando a partir de 1º de dezembro.

Ao Jornal Midiamax, a Agesul informou que as obras estão perto do fim, mas precisaram ser paralisadas para realização de medições e outros trâmites burocráticos.

Também em Dourados, a construção de uma passarela na rodovia MS-156, no Núcleo Industrial, foi parada para que a Energisa (concessionária responsável pela distribuição de energia em 73 municípios) retire postes do local. A paralisação conta a partir de 6 de janeiro por 60 dias (cerca de dois meses).

Outro contrato, com a Marpav Construções e Comércio para asfaltar a Rua Prudente de Morais, em Sidrolândia teve a parada prorrogada por mais 90 dias (cerca de três meses). Segundo a Agesul, o motivo é também a necessidade de fazer medições.

Jornal Midiamax