Política / Transparência

Prefeitura remaneja R$ 9,4 milhões do orçamento municipal

A Prefeitura de Campo Grande remaneja R$ 9,4 milhões do orçamento municipal, de acordo com edição do Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande), divulgado na sexta-feira (20). Segundo o documento, o recurso é tirado do Sisep (Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos) e R$ 700 mil vão para a Agência Municipal de Transporte e Trânsito […]

Matheus Maderal Publicado em 20/03/2020, às 13h02 - Atualizado às 13h32

Brasão de Campo Grande na fachada da Prefeitura. (Foto: Henrique Arakaki, Jornal Midiamax).
Brasão de Campo Grande na fachada da Prefeitura. (Foto: Henrique Arakaki, Jornal Midiamax). - Brasão de Campo Grande na fachada da Prefeitura. (Foto: Henrique Arakaki, Jornal Midiamax).

A Prefeitura de Campo Grande remaneja R$ 9,4 milhões do orçamento municipal, de acordo com edição do Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande), divulgado na sexta-feira (20).

Segundo o documento, o recurso é tirado do Sisep (Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos) e R$ 700 mil vão para a Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran), R$ 75 mil vão para a Fundação Municipal de Esportes (Funesp), R$ 3,05 milhões vão para a Agência Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários (AMHASF), e R$ 5,581 milhões serão direcionados a Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Gestão Urbana (Semadur).

A suplementação, termo usado pela administração pública, ocorre quando um recurso é retirado de uma determinada área para aplicação em outra, ainda dentro do Poder Público municipal. O remanejamento usa a autorização de 5% que o município tem para mexer no orçamento, sem autorização da Câmara Municipal.

Jornal Midiamax