Política / Transparência

Prefeitura de Campo Grande prevê R$ 8,2 milhões em seringas para vacinação e remédios

Licitação de R$ 8.253.726,56 prevê compra de seringas hipodérmicas para atender unidades de saúde vinculadas à Prefeitura de Campo Grande. O aviso da concorrência foi divulgado no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta terça-feira (13). Segundo o edital, disponível no Portal da Transparência, a quantidade prevista é para administração de medicamentos, vacinas, aplicaçã...

Mayara Bueno Publicado em 13/10/2020, às 12h36

Imagem ilustrativa. (Foto: Reprodução/ Marcelo Casal Jr/ Agência Brasil)
Imagem ilustrativa. (Foto: Reprodução/ Marcelo Casal Jr/ Agência Brasil) - Imagem ilustrativa. (Foto: Reprodução/ Marcelo Casal Jr/ Agência Brasil)

Licitação de R$ 8.253.726,56 prevê compra de seringas hipodérmicas para atender unidades de saúde vinculadas à Prefeitura de Campo Grande. O aviso da concorrência foi divulgado no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta terça-feira (13).

Segundo o edital, disponível no Portal da Transparência, a quantidade prevista é para administração de medicamentos, vacinas, aplicação de injeção, de aspiração e insuflação de sonda, de punção, procedimentos odontológicos e fornecimento para pacientes atendidos pela Gerência de Casos Complexos da Sesau (Secretaria de Saúde).

Será feito um sistema de registros de preços para durar um ano. Em tipos diferentes de seringa, a estimativa do pregão é de 14.157.649 unidades. Ainda na justificativa, o município informa que os materiais vão abastecer a assistência prestada pela rede municipal, “garantindo segurança e qualidade durante atendimentos dos usuários do Sistema Único de Saúde – SUS”.

Entre os exemplos citados, estão o Programa de Dispensação de Insumos Médico – Hospitalar, com 1.172 pacientes cadastrados, que recebem insumos e seringas para uso de medicamentos, auxílio na limpeza de curativos, dieta enteral, e também o serviço de imunização, que utiliza seringas para aplicação de vacinas do calendário nacional de imunização. “Como também nas campanhas de vacinação estabelecidas pelo Ministério da Saúde: do Sarampo, da Influenza, entre outras”.

Jornal Midiamax