Política / Transparência

Câmara cria Frente para acompanhar revisão do Plano Diretor de Dourados

Por meio de indicação da mesa diretora, a Câmara de Dourados criou a Frente Parlamentar de Acompanhamento da Revisão do Plano Diretor. O objetivo é acompanhar e fiscalizar o Poder Executivo e também a empresa especializada, contratada pelo município. Formada pelos vereadores Elias Ishy (PT), que é o presidente, Daniela Hall (PSD)  vice-presidente e Sergio […]

Marcos Morandi Publicado em 30/07/2020, às 06h48 - Atualizado às 06h49

Ato partiu da mesa diretora da Câmara. (Foto: Thiago Morais)
Ato partiu da mesa diretora da Câmara. (Foto: Thiago Morais) - Ato partiu da mesa diretora da Câmara. (Foto: Thiago Morais)

Por meio de indicação da mesa diretora, a Câmara de Dourados criou a Frente Parlamentar de Acompanhamento da Revisão do Plano Diretor. O objetivo é acompanhar e fiscalizar o Poder Executivo e também a empresa especializada, contratada pelo município.

Formada pelos vereadores Elias Ishy (PT), que é o presidente, Daniela Hall (PSD)  vice-presidente e Sergio Nogueira (PSDB),  membro, também pretende auxiliar na revisão do Plano que foi  aprovado em 2003  e que teve sua última complementação em 2018.

O Plano Diretor é  considerado instrumento básico da política de desenvolvimento e expansão urbana, fazendo parte integrante do planejamento municipal, tendo a principal finalidade a orientação do Poder Público e iniciativa privada na construção de espaços urbanos e rurais, objetivando a garantia de melhores condições de vida para população.

Conforme o presidente da Câmara de Dourados, vereador Alan Guedes (Progressistas), a frente parlamentar se apresenta como uma ponte direta para responder às demandas da sociedade. “As Frentes Parlamentares são mecanismos importantes que contribuem com o trabalho das diferentes pautas do município”, afirmou ele.

A revisão do Plano Diretor está sendo realizada por empresa especializada, contratada pelo município e atua sob a coordenação  da secretaria municipal de Planejamento, e deve ser concluído em dezembro deste ano.

Jornal Midiamax