Política / Transparência

Ex-candidato a senador é nomeado para cargo de direção na Fundesporte

Filiado ao PPL, o ex-candidato mais jovem ao Senado nas últimas eleições, Thiago de Freitas Santos foi nomeado, nesta segunda-feira (8), para cargo de direção na Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul). Thiago, conforme determinação do secretário de Governo e Gestão, Eduardo Riedel, ocupará a função comissionada de Direção Especial […]

Aliny Mary Dias Publicado em 08/04/2019, às 08h36 - Atualizado às 18h11

Thiago Freitas, candidato a senador pelo PPL. (Foto: Minamar Junior)
Thiago Freitas, candidato a senador pelo PPL. (Foto: Minamar Junior) - Thiago Freitas, candidato a senador pelo PPL. (Foto: Minamar Junior)

Filiado ao PPL, o ex-candidato mais jovem ao Senado nas últimas eleições, Thiago de Freitas Santos foi nomeado, nesta segunda-feira (8), para cargo de direção na Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul).

Thiago, conforme determinação do secretário de Governo e Gestão, Eduardo Riedel, ocupará a função comissionada de Direção Especial e Assessoramento, símbolo DCA-5. O salário, sem gratificações, é de pouco mais de R$ 3 mil. A nomeação é retroativa ao dia 1º de abril.

Antes de se lançar ao Senado, Thiago de Freitas era subsecretário de Políticas para Juventude. Ele estava lotado, à época, no gabinete da então vice-governadora Rose Modesto (PSDB).

Para disputar o certame eleitoral, Thiago foi exonerado da função em 12 de julho. Conforme registros do DOE (Diário Oficial do Estado), ele foi novamente nomeado na Secretaria de Cultura para cargo de Direção Gerencial em 23 de outubro, pouco tempo depois de sair derrotado das urnas em 7 de outubro.

Jornal Midiamax