Política / Transparência

Nepotismo em prefeitura leva MPE a abrir investigação

Denúncia culminou em inquérito

Aliny Mary Dias Publicado em 25/01/2018, às 21h44

None

Denúncia culminou em inquérito

O MPE-MS (Ministério Público Estadual) está investigando suspeita de nepotismo na prefeitura de Água Clara, cidade distante 193 quilômetros de Campo Grande. Denúncia feita à promotoria da cidade revela que vários parentes do prefeito, vice-prefeita e até da primeira-dama teriam sido contratados.

Responsável pela investigação, promotor Paulo Henrique Freitas afirma, com base na denúncia, que a prefeitura tem virado um “cabide de empregos” com nomeações que caracterizam prática de nepotismo.

A vice-prefeita, por exemplo, empregou o filho, a irmã e o marido. O mesmo ocorre com a vice-prefeita da idade, que tem a irmã atuando na prefeitura.

Nepotismo em prefeitura leva MPE a abrir investigação

Assim que a documentação for encaminhada, reunião entre o prefeito, a vice-prefeita e o promotor deve acontecer.

Jornal Midiamax