Política / Transparência

MS repassa R$ 600 mil a Santa Casa para buscas por doação de órgãos

Santa Casa é nova sede de Organização de Procura de Órgãos de MS

Joaquim Padilha Publicado em 10/07/2017, às 12h26

None

Santa Casa é nova sede de Organização de Procura de Órgãos de MS

O governo do Estado de Mato Grosso do Sul irá repassar mais R$ 600 mil ao ano para a Santa Casa de Campo Grande, em função do hospital ter assumido a sede da regional da OPO (Organização de Procura de Órgãos), desde o início de junho.

A informação foi divulgada pela Prefeitura Municipal de Campo Grande, em um aditivo ao convênio entre a capital e a Santa Casa. A Prefeitura será responsável pelo repasse mensal dos valores ao hospital.

A OPO atua na busca por potenciais doadores nos hospitais do Estado. Segundo nota da Santa Casa, o órgão atenderá em um primeiro momento os municípios da capital, de Três Lagoas e Dourados, onde as buscas serão intensificadas.

A Organização antes tinha sua sede no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul. A equipe da OPO aguarda que, com a transferência para a Santa Casa, aumente o número de doações e transplantes de órgãos para quem precise.MS repassa R$ 600 mil a Santa Casa para buscas por doação de órgãos

O repasse dos R$ 600 mil foi assinado pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD), pelos secretários de Saúde Marcelo Vilela (Prefeitura) e Nelson Tavares (Estado), e pelo presidente da organização que administra a Santa Casa, Esacheu Cipriano Nascimento.

Jornal Midiamax