Política / Transparência

Governo exonera assessor especial da Secretaria de Fazenda

Alessandro Menezes de Souza atuava como superintendente

Joaquim Padilha Publicado em 05/09/2016, às 11h10

None
alessandro.jpg

Alessandro Menezes de Souza atuava como superintendente

O governador do Estado Reinaldo Azambuja (PSDB), exonerou o assessor especial Alessandro Menezes de Souza, que ocupava cargo em comissão na Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda) desde o primeiro dia da gestão do tucano. A exoneração foi publicada no diário oficial de Mato Grosso do Sul desta segunda-feira (5).

Em 1º de janeiro de 2015, logo quando assumiu o cargo de governador, Azambuja designou Alessandro para desempenhar a função de superintendente da SGI (Superintendência de Gestão de Informação da Sefaz).

Alessandro já foi presidente regional do Solidariedade, além de já ter atuado na administração municipal de Campo Grande, quando foi diretor-presidente do IMTI (Instituto Municipal de Tecnologia e Informação), nomeado pelo ex-prefeito Gilmar Olarte (PP), em maio de 2014. O ex-assessor especial também já trabalhou como assessor para o ex-secretário estadual Edson Giroto.

(Sob supervisão de Evelin Araujo)

Jornal Midiamax