Política / Transparência

Com R$ 3,5 milhões da Prefeitura, Hospital do Trauma deve ser concluído

Convênio foi assinado na tarde desta sexta-feira

Jessica Benitez Publicado em 09/10/2015, às 20h45

None
ministro.jpg

Convênio foi assinado na tarde desta sexta-feira

Com obras paradas desde o final de 2012, o Hospital do Trauma deve enfim ser concluído. Na tarde desta sexta-feira (9) o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), assinou convênio de R$ 3,5 milhões com a Santa Casa para finalização da obra que teve início na década de 90 e em junho de 2010 foi relançada. Desta vez a previsão de entrega era no mesmo mês de 2011.

“Tenho certeza de que esse recurso será bem empregado”, disse ao assinar o documento. Em agosto deste ano o secretário estadual de Saúde, Nelson Tavares disse as obras do Hospital do Trauma devem ser concluídas até dezembro de 2016. Na ocasião ele explicou que foi assinado um pacto entre o ministério da Saúde, Santa Casa, governos Federal e Estadual, a fim de dar continuidade ao projeto.

O projeto prevê uma quantidade mínima de 140 leitos, sendo 10 para CTI (Centro de Terapia Intensiva). A estimativa é que já tenham sido gastos mais de R$ 10 milhões na construção que faz parte do programa estadual Obra Zero. A unidade hospitalar voltada à traumatologia, principalmente por conta da alta demanda decorrentes de feridos em acidentes de trânsito.

Histórico –A obra foi iniciada no governo de Wilson Barbosa Martins (PMDB) e teve ensaios de ser concluída no governo de José Orcírio Miranda dos Santos, o Zeca do PT. Porém, em 2006, o então ministro da Saúde, José Agenor Alvarez, disse que R$ 1,9 milhão teria sido enviado para a o Estado para o término da construção. A verba foi liberada em 2002 e até agora o prédio continua sem que tenha sido terminado.

Jornal Midiamax