Política / Pimenta

Pit bull solto em MS: empresário se gaba de consultoria que contratou para jogar pesado em disputas públicas

Cansado de ficar com sobras, empresário anda espalhando que soltou o 'pit bull da 8.666' para brigar em MS

Da Redação Publicado em 21/08/2021, às 07h00

Pit bull solto em MS estaria pronto para virar jogo na briga por licitações públicas
Pit bull solto em MS estaria pronto para virar jogo na briga por licitações públicas - (Ilustração sobre reprodução, Web)

Tem pit bull solto em MS, segundo anda espalhando empresário que se diz cansado de ser 'colocado em segundo plano'. Trouxe um consultor especializado em detectar os problemas comuns em processos licitatórios e garante que vai para o tudo ou nada.

O 'pit bull da lei 8.666' já estaria levantando dados e preparando avalanche de impugnações e denúncias, para desespero de quem precisa colocar a assinatura na papelada.

Ainda de acordo com o discurso que tal empresário anda espalhando, revolta começou quando supostos acordos teriam sido quebrados por causa da voracidade de alguns. 'Tem gente querendo patrolar todo mundo, e não vou deixar ficar barato', teria confidenciado o interlocutor que recebeu a missão de levar o recado a quem de direito.

Pit bull solto em MS já conhece bastidores locais da 8.666

Para incrementar o contra-ataque, buscou um consultor que conhece muito bem os meandros regionais de aplicação, uso, abuso e fiscalização da Lei 8.666, que regulamenta o artigo 37, inciso XXI, da Constituição Federal, com as normas para licitações e contratos da Administração Pública.

Assim, o pit bull solto em MS saberia com exatidão onde procurar as informações que podem bagunçar os supostos acordos e acertos. A briga promete ficar interessante, garantem os mais experientes que acompanham o caso.

Sabendo de algo que MS precisa saber? Conta pro Midiamax!

Se você está por dentro de alguma informação que acha importante o público saber, fale com jornalistas do Jornal Midiamax!

Fala Povo: O leitor pode falar direto no WhatsApp do Jornal Midiamax pelo número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Se preferir, você também pode falar com o Jornal direto no Messenger do Facebook.

Você pode enviar flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões com total sigilo garantido pela lei.

Jornal Midiamax