Fechada a janela partidária em Dourados no último final de semana, Dourados totaliza nova trocas de legendas. Com isso, o PSDB (Partido da Social Democracia), com 6 vereadores, divide domínio com o PP (Partido progressista), que também passar a ter o mesmo número de assentos no legislativo Municipal.

O PP, do prefeito Alan Guedes, que já se declarou pré-candidato à reeleição, foi a legenda que mais ganhou integrantes nesse período. Cemar Arnal, Daniel Junior, Daniela Hall, Marcão da Sepriva e Sérgio Nogueira e Jânio Miguel, fazem parte da bancada Progressista.

Já o PSDB levou as vereadoras Liandra Brambilla e Tânia Cristina, enquanto o PL (Partido Liberal) ganhou o primeiro parlamentar com a filiação de Marcelo Mourão, que estava no Podemos e entrou na legenda na última sexta-feira. 

Entretanto, apesar do PP se tornar a maior bancada, ao lado PSDB, quase que da noite para o dia, com os recém filiados. As migrações repercutiram nas redes sociais com memes provocativos e até mesmo na própria tribuna do Legislativo.

Na sessão dessa segunda-feira na Câmara, Jânio Miguel, último vereador a entrar no PP, nomeou de ‘quarteto fantástico’ grupo composto por Daniela Hall, Cemar Arnal, Marcão da Sepriva e Daniel Junior, que não gostaram da entrada dele na legenda.

“Agradeço empenho que eles tiveram e as madrugadas que eles rodaram e os telefonemas que fizeram para que eu estivesse no PP. Mas torcida deles era  uma coisa parecida com a que o  Kiko tinha  pelo Chaves”, alfinetou o vereador progressista, se referindo aos personagens do seriado mexicano que não se entendiam.

Saiba como fica a Câmara:

MDB – Laudir Munaretto e Olavo Sul.

PL – Marcelo Mourão. 

Republicanos – Fábio Luis. 

PSDB – Marcio Pudim, Diogo Castilho, Juscelino Cabral, Liandra Brambilla, Tânia Cristina e Rogério Yuri.

PSB – Maurício Lemes. 

Progressistas – Cemar Arnal, Daniel Junior, Daniela Hall, Marcão da Sepriva, Jânio Miguel e Sérgio Nogueira.

PT – Elias Ishy.

União Brasil – Creusimar Barbosa.