O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, por meio do ministro de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, confirmou a à China entre os dias 12 e 15 deste mês e o deputado federal Vander Loubet (PT) como único representante do Centro Oeste na comitiva.

Em ofício encaminhado à Câmara dos Deputados, Padilha comunicou a lista oficial de convidados da Casa para acompanhar a comitiva presidencial. Na lista de 29 deputados e deputadas, está confirmado que Vander acompanhará Lula na condição de vice-presidente da Frente Parlamentar Brasil-China no Congresso Nacional.

Para Vander, será uma oportunidade para estreitar laços com um parceiro comercial importante para o Estado.

“Quero trabalhar pelo fortalecimento das relações diplomáticas e comerciais entre os dois países. Essa parceria é estratégica, principalmente para nós, do Mato Grosso do Sul. A China é o principal destino das exportações do nosso estado, então esse fortalecimento nos interessa muito”, afirma.

Ainda de acordo com o deputado, há um conjunto de interesses e pautas a ser defendido no Dragão Asiático, como, por exemplo, a exportação de proteína animal.

“Desde a posse do presidente Lula, tenho feito agendas junto às autoridades chinesas para resolvermos uma demanda reprimida que ficou por causa do comportamento do governo anterior com a China, que era hostil. Tem plantas frigoríficas aqui no Brasil aguardando sinal verde dos chineses para exportar para lá. De janeiro para cá conseguimos que dezenas de empresas fossem habilitadas, inclusive um frigorífico de frangos do nosso estado. Mas tem mais empresas aguardando esse aval”, explica.

Vander também afirma que deseja buscar investimentos chineses em outras áreas estratégicas para Mato Grosso do Sul, como rodoviária – em particular, a – ferrovias e produção de fertilizantes.

A partida de está marcada para a manhã de terça-feira, 11 de abril. O primeiro destino será Xangai, no dia 12. Em seguida, a comitiva ficará em Pequim nos dias 13, 14 e 15, partindo da China na manhã do sábado.