Nesta terça-feira (29), a promotora Lia Paim Lima, da Promotoria de , publicou recomendação à Municipal. Vereadores da cidade são acusados de faltarem às sessões legislativas.

Conforme a publicação, feita no Diário Oficial do (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), denúncia foi feita para apurar as faltas dos vereadores. Assim, o MPMS solicitou que a Câmara encaminhasse cópia das justificativas apresentadas pelos parlamentares.

No entanto, foi contatado que a Casa de Leis não tem rito próprio para apresentação das justificativas de faltas. Por isso, foi emitida a recomendação para que seja elaborado ato administrativo.

Este deve definir o procedimento para que os vereadores justifiquem as faltas nas sessões. Assim, poderá ser feito melhor monitoramento.