Prefeito de Cassilândia apresenta afastamento por tempo indeterminado e vice assume

Pedido foi apresentado à Câmara Municipal, nesta quarta-feira (18)
| 18/05/2022
- 17:55
Valdecy Costa, vice-prefeito de Cassilândia e Jair Boni, prefeito
Valdecy Costa, vice-prefeito de Cassilândia e Jair Boni, prefeito

O prefeito de Cassilândia, Jair Boni Cogo (PSDB) apresentou o pedido de afastamento por indeterminado à Câmara Municipal, nesta quarta-feira (18). O chefe do executivo está internado desde dia 6 de maio, mas foi transferido para o Hospital Beneficência Portuguesa, em São José do Rio Preto.

Conforme informações da esposa, Claudete Boni, apesar de apresentar melhoras no quadro clínico, o prefeito segue internado sem previsão de alta e o responsável pelo tratamento atestou em laudo o afastamento de Jair por tempo indeterminado.

O presidente da Câmara, Divino José (PSDB), afirmou que o pedido foi protocolado nesta quarta-feira e já convocou uma sessão extraordinária para próxima sexta (20), onde os vereadores votarão o pedido e dar a posse do cargo interino ao vice-prefeito, Valdecy Costa (PSDB).

Procurado pelo Jornal Midiamax, Valdecy destacou que vai aguardar a decisão da Câmara Municipal.

Afastamento

Jair Boni Cogo (PSDB), de 74 anos, foi internado no dia 6 de maio, no Hospital das Clínicas São Lucas. O prefeito foi diagnosticado com pneumonia e por um agravamento no quadro médico foi transferido para o Hospital Beneficência Portuguesa, em São José do Rio Preto.

O prefeito trata de uma fibrose pulmonar há três anos e segue em tratamento na instituição, porém devido a gravidade ainda segue sem previsão de alta.

Veja também

MPMS informou, no Diário Oficial, que tem contrato com a empresa Softplan Planejamento e Sistemas Ltda desde 2018

Últimas notícias