“Há 30 anos, o Heitor queria integrar o Mato Grosso do Sul com o Pacífico não só como rota de mercadorias, mas em um verdadeiro corredor que ligasse o Estado à cultura da América do Sul”, conta Zeca do PT nesta quinta-feira (24), ao se despedir do irmão, o ex-prefeito de Porto Murtinho Heitor Miranda dos Santos, que morreu na quarta aos 69 anos.

Internado após complicações da covid-19, Zeca diz que Heitor desde pequeno sofria com crises de asma. “Sempre teve a saúde muito frágil. Logo após ter terminado a faculdade, descobriu um câncer no sistema linfático, tratou da saúde por vários anos”.

Apesar disso, sempre foi um sonhador, conta o irmão. “Como todo político, era um visionário, mas muitas vezes foi mal compreendido. Foi o pai da Rota Bioceânica. Marcou a nossa vida com o absoluto compromisso com o coletivo, não com o individual e ousou acreditar em uma sociedade mais humana, justa e solidária”.

Zeca lembra que o sonho de Heitor se resumia a Porto Murtinho. “Muitas pessoas brincavam que se oferecessem a ele a oportunidade de concorrer como prefeito de Paris, ou de Murtinho, ele sempre iria escolher Murtinho. Melhorar e integrar a cidade sempre foi o sonho dele”, resume o irmão.

Vida em Porto Murtinho

Heitor nasceu em Porto Murtinho no dia 28 de abril de 1953. É filho de Orcírio dos Santos e Assunção Miranda dos Santos. Casado com Myrian Conceição Silvestre dos Santos, atualmente morava em Campo Grande.

Em 12 de dezembro de 1979, foi nomeado para exercer o cargo de Promotor de Justiça da primeira entrância na comarca de Coxim. Prestou compromisso e posse em 20 de dezembro de 1979.

Em 13 de maio de 1987, foi promovido, por antiguidade, da 3ª Promotoria de Justiça da comarca de Aquidauana, segunda entrância, para a 22ª Promotoria de Justiça da comarca de Campo Grande, entrância especial. Assumiu o exercício de cargo em 14 de maio de 1987.

Em 26 de novembro de 2008, foi nomeado para exercer a função de Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça das Fundações.

Em 8 de abril de 2013, foi concedida aposentadoria ao Procurador de Justiça Heitor Miranda dos Santos. Heitor foi prefeito de Porto Murtinho entre 2013 e 2016.

Velório e cremação

O velório acontece a partir de 12h desta quinta-feira (24) no Jardim das Palmeiras, que fica na Avenida Tamandaré, 6934.

A cerimônia de despedida para a cremação, um pedido de Heitor, acontece a partir das 16h no Crematório de Campo Grande, que fica na Avenida Tamandaré, 6781.