Antecipada em decorrência da partida entre Brasil e Suíça, a 41ª sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Dourados teve 27 projetos aprovados nesta segunda-feira (28). Desse total, somente um não está relacionado à concessão de títulos de cidadão douradense ou a nomes de ruas ou datas festivas.

Entre as propostas deliberadas em primeira e segunda votação, ou única, está o projeto de lei nº 207/2022, de autoria do vereador Mauricio Lemes (PSB), que dispõe sobre a implantação de código QR (QR CODE) em todas a placas de obras municipais para leitura e fiscalização eletrônica por dispositivos móveis.

Ao todo, foram dois decretos legislativos de utilidade pública, três de novas datas comemorativas, e quatro de denominações de ruas. Os demais projetos aprovados pelo legislativo municipal são de concessões de títulos e também de diploma de honra ao mérito.

Até o momento, não houve discussão em plenária a respeito do orçamentário de mais de R$ 1,4 bilhão que já foi entregue pelo prefeito Alan Guedes (PP) ao presidente da Câmara, vereador Laudir Munaretto (MDB). O tema ainda passa pela avaliação das comissões.