Amaducci retira pré-candidatura e PT confirma Zeca na disputa ao governo de MS

Humberto Amaducci pretendia disputar o governo, mas retirou pré-candidatura
| 02/02/2022
- 14:56
Humberto Amaducci disputou o governo de MS em 2018
Humberto Amaducci disputou o governo de MS em 2018 - Arquivo, Jornal Midiamax

O ex-prefeito de Mundo Novo, Humberto Amaducci (PT), que foi candidato ao Governo de em 2018, retirou sua pré-candidatura e deixou o espaço aberto ao ex-governador Zeca do PT. 

Em reunião da Executiva Estadual do partido na última terça-feira (1º) Amaducci, vice-presidente Estadual da legenda, informou a retirada da sua pré-candidatura a Governador em favor da pré-candidatura de Zeca.

Com isso, a sigla deve intensificar o diálogo com os partidos do campo democrático e popular para a construção das alianças majoritárias e proporcionais para as eleições deste ano, tendo em vista a viabilização de uma frente pró e pró Zeca no Estado.

Segundo informou a Executiva, o PT irá realizar uma agenda de mobilização com a militância, ainda no primeiro semestre. “Com a realização de encontros regionais, atividades setoriais e organização de centenas de comitês populares para fortalecer nossa organização, mobilização, formação e comunicação”, afirmou o presidente do partido, Vladimir Ferreira, em nota. 

Com relação à candidatura à vaga no Senado Federal, o PT informou que as decisões serão tomadas pela direção do PT, juntamente com os partidos que irão compor eventual aliança para as eleições de 2022.

Veja também

Rogério Bezerra está preso há quatro anos e ainda recebe o salário integral mensalmente

Últimas notícias