Política

Vereadores analisam veto, incentivo à leitura e criação de memorial em homenagem às vítimas de covid

A sessão está marcada para 9h e é transmitida pelas redes sociais da Câmara Municipal de Campo Grande

Mayara Bueno Publicado em 17/06/2021, às 07h43

Vereadores durante discussão de projeto de lei na Câmara Municipal de Campo Grande
Vereadores durante discussão de projeto de lei na Câmara Municipal de Campo Grande - (Foto: Henrique Arakaki, Jornal Midiamax)

Estão pautados para votação, na Câmara Municipal de Campo Grande durante a sessão desta quinta-feira (17), seis projetos de leis. Devido à pandemia de coronavírus, a reunião é virtual e transmitida pelas redes sociais da Casa de Leis, a partir das 9h.

Uma das análises é sobre o veto parcial da prefeitura ao projeto sobre a Semana Municipal da Consciência dos Povos Originários e Reconhece o dia 19 de abril como data de conscientização, proposta pela vereadora Camila Jara (PT).

Em segunda votação, deve ser votado o Programa Municipal de Agentes de Leituras, dos vereadores Ronilço Guerreiro (Podemos) e Dr. Victor Rocha (PP). Mudança em nome da Emei (Escola Municipal de Educação Infantil) Coração de Maria para Geórgia de Fátima Nogueira Borges, também está prevista. A medida foi apresentada pelos vereadores Professor Riverton (DEM) e Valdir Gomes (PP).

Outras duas propostas serão votadas em segunda discussão: inclusão no calendário oficial de Campo Grande, o Dia Municipal do Conselheiro Cristão, comemorado em 31 de outubro, dos vereadore Papy (SD); e a instituição da Semana da Farroupilha, realizada tradicionalmente entre 14 e 20 de setembro, comemorada junto aos CTGs (Centros de Tradições Gaúchas), apresentada por Otávio Trad (PSD), Ademir Santana (PSDB), João Rocha (PSDB) e Ronilço Guerreiro (Podemos).

Em primeira discussão, está pautada a criação de um memorial em homenagem aos mortos pela Covid-19, dos vereadores Sílvio Pitu (DEM) e Carlão (PSB), presidente da Câmara Municipal de Campo Grande.

Jornal Midiamax