Política

Senadora Soraya Thronicke entrega emendas de R$ 3,3 milhões a Maracaju destinadas à saúde

Soraya esteve no município no último sábado (31) e anunciou emenda para a aquisição de equipamentos para a implantação de centro de hemodiálise no município

Renata Volpe Publicado em 02/08/2021, às 08h50

Senadora Soraya Thronicke (PSL) esteve em Maracaju e entregou emendas no valor de R$ 3,3 milhões
Senadora Soraya Thronicke (PSL) esteve em Maracaju e entregou emendas no valor de R$ 3,3 milhões - Divulgação

A senadora Soraya Thronicke (PSL) entregou emendas parlamentares no valor de R$ 3,3 milhões ao município de Maracaju destinadas à saúde, no último sábado (31), quando foi à cidade. Ela ainda anunciou a destinação de uma emenda de 2022, para a aquisição de equipamentos para a implantação de centro de hemodiálise no município.

As emendas entregues correspondem ao ano passado e a este ano e, R$ 2,88 milhões são de sua autoria. No caso de 2020, foi R$ 1,7 milhão para a construção do Caps (Centro de Atenção Psicossocial) do município e para o combate à Covid-19, enquanto, em 2021, é mais R$ 1,17 milhão para o custeio da saúde básica do município.

A senadora se encontrou com o prefeito, Marcos Calderan (PSDB), e com o presidente da Câmara de Vereadores, Roberto Ziemann (PSDB). Na oportunidade, ela afirmou que o atendimento adequado em saúde mental contribui para reduzir o número de suicídios no Brasil. “Fico grata pela oportunidade de poder ajudar nesta questão tão importante que é a saúde mental das pessoas. É com muito carinho que estou aqui e em breve estarei de volta para inaugurar esse espaço tão importante”, reforçou.

Ainda conforme a senadora, o município deve sempre contar com a ajuda dela. Soraya ainda parabenizou o secretário municipal de Saúde, Thiago Caminha, e toda a equipe pelo empenho na saúde. “Meu carinho por Maracaju é enorme, pois tive uma votação mais expressiva no município e, em termos percentuais, foi a minha maior votação no Estado. Também faço questão de lembrar que o meu coração está em Maracaju porque a família do meu marido é toda do município”.

O prefeito agradeceu a senadora pela atenção e carinho com a população e ressaltou que essas duas emendas significam muito para o município. “Todo cuidado com a saúde mental da nossa gente é muito importante, pois se trata de um problema silencioso que passa despercebido pela maioria”, afirmou.

De acordo com o prefeito, não basta só investir em educação e obras de infraestrutura, é preciso também alocar recursos para a saúde mental do povo. “Infelizmente, tem piorado muito devido à pandemia do novo coronavírus. Esse recurso vem ao encontro da nossa necessidade nessa área. O Caps vai dar um alento para a nossa gente, pois teremos condições de oferecer um melhor tratamento a quem precisa”, pontuou.

Já o presidente da Câmara de Vereadores, completou que a senadora está retribuindo a expressiva votação que recebeu no município nas eleições para o Senado. “A nossa população acreditou no trabalho da senadora e agora está sendo recompensada. Nós estamos vendo o empenho dela para a construção do Caps e o comprometimento por fazer o melhor por Mato Grosso do Sul, então, a gente fica feliz por termos acertado no nosso voto”.

A unidade do Caps será construída no Jardim Guanabara e terá um prédio amplo, capaz de atender mais pacientes com problemas psiquiátricos e dependência química. 

O Centro é destinado à recuperação mental dos pacientes e a integração deles com a família e a comunidade, pois, atualmente, 17 pacientes de Maracaju estão internados em clínicas psiquiátricas fora do município. 

Com a unidade, a cidade terá um espaço com uma equipe multidisciplinar, com médicos, enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais, dentre outros,  para que essas pessoas possam se recuperar, ter uma vida normal e sejam reinseridas no mercado de trabalho.

Centro de hemodiálise

Preocupada com a área da saúde de Maracaju, a senadora Soraya Thronicke também anunciou a destinação de uma emenda no OGU (Orçamento Geral da União) do próximo ano para a aquisição de equipamentos para a implantação de um centro de hemodiálise no município. 

Assim, o vereador Robert Ziemann assumiu o compromisso de economizar recursos do duodécimo do Poder Legislativo para contribuir com a concretização desse espaço, pois esse serviço de hemodiálise vai minimizar o sofrimento dos renais crônicos que necessitam desse processo e são obrigados a se deslocar para fazer o tratamento em Campo Grande.

Jornal Midiamax