Política

Polícia investiga suposto ataque contra prefeita de cidade paraguaia

Segundo Lida Rosa Escobar (PLRA), intendente de Nueva Colômbia, duas pessoas entraram em sua casa

Marcos Morandi Publicado em 25/06/2021, às 12h17

Rosa Lida Escobar, disse que foi ameaçada com uma arma
Rosa Lida Escobar, disse que foi ameaçada com uma arma - Reprodução/Redes sociais

A polícia de Nueva Colômbia, no Departamento de Cordillera, no Paraguai, investiga um suposto ataque contra a prefeita Lida Rosa Escobar (PLRA), na madrugada desta sexta-feira (25). Segundo a ocorrência, duas pessoas teriam entrado na residência e ameaçado a intendente que dormia com o filho de três anos.

“Eles queriam me matar, eles querem me tirar do caminho; algo aconteceu aqui ", disse ele. Embora não quisesse responsabilizar nenhum setor ou pessoa, indicou que deixaria o campo da política após este episódio. “Quero me aposentar da política. Não quero saber de mais nada ”, contou Lida ao jornal ABC Color, que depois do episódio pensa em deixar a política.

A intendente de Nueva Colômbia afirmou que conseguiram se salvar graças ao fato de seu pai se aproveitar do descuido dos agressores e disparar um tiro com uma espingarda de fabricação caseira, que usa para fins rurais. “ A história seria outra, se meu pai não agisse bravamente para nos defender”, declarou Lida Rosa Escobar.

Jornal Midiamax