Política

Medida necessária e emergencial, diz William Maksoud sobre antecipação de feriados

A antecipação de feriados feita pela prefeitura de Campo Grande para frear o contágio da Covid-19 foi medida necessária e emergencial, segundo avaliação do vereador William Maksoud (PTB). “A situação é caótica e toda e qualquer medida que venha para conter o avanço do vírus, que promova distanciamento, redução de circulação de pessoas e principalmente, […]

Danúbia Burema Publicado em 19/03/2021, às 09h12

Vereador William Maksoud. (Izaías Medeiros, CMCG, Arquivo).
Vereador William Maksoud. (Izaías Medeiros, CMCG, Arquivo). - Vereador William Maksoud. (Izaías Medeiros, CMCG, Arquivo).

A antecipação de feriados feita pela prefeitura de Campo Grande para frear o contágio da Covid-19 foi medida necessária e emergencial, segundo avaliação do vereador William Maksoud (PTB).

“A situação é caótica e toda e qualquer medida que venha para conter o avanço do vírus, que promova distanciamento, redução de circulação de pessoas e principalmente, redução das demandas nos nossos hospitais (que estão em colapso) é necessária e emergencial!”, declarou o vereador ao Jornal Midiamax. 

Na avaliação dele, não há tempo para nomenclaturas, posicionamentos políticos ou ideológicos. “Estamos há um ano lutando, o inimigo nesse tempo se transformou e fortaleceu, chegamos a um ponto da pandemia que a única e exclusiva medida é termos fé, respeitarmos as recomendações e apoiarmos nossos representantes, que assim como os profissionais da saúde, estão combatentes à frente dessa guerra!”, completou.

Maksoud disse apoiar veementemente a postura do prefeito Marquinhos Trad (PSD), por acreditar que antecipar feriados e orientar os cidadãos a ficarem em casa é medida responsável e coerente que tem o intuito de preservar vidas. “Fiquem em casa e cuidem-se!”, finalizou.

Fecha tudo

Após reunião com secretariado na tarde de quinta-feira (18), o prefeito Marquinhos Trad descartou implantar lockdown em Campo Grande. Em contrapartida, para frear o avanço da pandemia na cidade, o prefeito determinou antecipação de feriados na semana que vem.

De acordo com o prefeito, dos dias 22 a 26 de março, a partir da próxima segunda-feira até sexta-feira, serão antecipados feriados dos dias 2 e 21 de abril, 3 de junho, 26 de agosto e 7 de setembro. Nestes dias, só poderão funcionar serviços essenciais durante 24 horas. Segundo o prefeito, o comércio que não se enquadra em serviço essencial não poderá abrir.

Ainda segundo Marquinhos, não foi decretado lockdown na cidade porque a avaliação é que diminuindo o horário de circulação das pessoas na cidade com a antecipação dos feriados, haverá diminuição do contágio.

Jornal Midiamax