Política

Empossado, novo prefeito de Bonito prega eficiência e transparência na gestão

Josmail Rodrigues (PSB), prefeito de Bonito, ainda citou os desafios impostos pela pandemia de novo coronavírus à economia do município.

Jones Mário Publicado em 02/01/2021, às 10h58 - Atualizado às 11h00

Josmail Rodrigues discursa da tribuna sob o olhar da primeira-dama, Leila Aivi (Foto: Divulgação)
Josmail Rodrigues discursa da tribuna sob o olhar da primeira-dama, Leila Aivi (Foto: Divulgação) - Josmail Rodrigues discursa da tribuna sob o olhar da primeira-dama, Leila Aivi (Foto: Divulgação)

O novo prefeito de Bonito, Josmail Rodrigues (PSB), pregou eficiência e transparência na gestão durante seu discurso de posse, ontem (1º), na Câmara Municipal. Além dele e do vice, Juca Ygarapé (PL), os 11 vereadores eleitos foram empossados na solenidade.

“O momento é outro, não há partido, o compromisso é trabalhar”, disse Rodrigues, eleito com 35,7% dos votos válidos em 15 de novembro de 2020.

O prefeito ainda citou as dificuldades impostas pela pandemia de novo coronavírus ao município, cuja economia é sustentada pelo turismo. Segundo ele, a administração deve adotar cautela para evitar um lockdown.

Josmail Rodrigues também pediu a união dos vereadores para enfrentar a pandemia. Além disso, prometeu o desenvolvimento simétrico do campo e da cidade.

O governo estadual foi representado na cerimônia de posse pelo diretor-presidente da Fertel (Fundação Estadual Jornalista Luiz Chagas de Rádio e Televisão Educativa), Bosco Martins. Ele citou projetos de infraestrutura em andamento importantes para Bonito, como a rodovia do turismo e o anel viário.

Também foram empossados os seguintes vereadores: Lucas Capacete (PSDB), Luisa Lima (MDB), Tito da Salobra (DEM), Pedrinho da Marambaia (PSDB), André Luiz (PSB), Professora Loiva (PSD), Professor PH (PSB), Jhonatan Marques (DEM), Edinaldo Pantera (PSDB), Casanova do Chapéu (DEM) e Toquinho da Rádio (SD).

Os parlamentares elegeram a Mesa Diretora para o biênio 2021-2022, com Toquinho na presidência, Edinaldo Pantera vice e Professor PH como secretário.

Luisa Lima, ex-presidente da Câmara, não participou do evento. Ele testou positivo para covid-19 e faz tratamento em Campo Grande.

Jornal Midiamax