Política

Em Sidrolândia, pesquisa indica Vanda Camilo com 62% e Enelvo Felini com 38% das intenções de voto

Eleitores vão às urnas no domingo (13), depois de impedimento do prefeito eleito em 2020

Mayara Bueno Publicado em 11/06/2021, às 11h11

Sede da Justiça Eleitoral de Mato Grosso do Sul, no Parque dos Poderes
Sede da Justiça Eleitoral de Mato Grosso do Sul, no Parque dos Poderes - (Foto: Marcos Ermínio, Jornal Midiamax, Arquivo)

Pesquisa do instituto Nova Ibrape sobre a disputa eleitoral em Sidrolândia, divulgada nesta sexta-feira (11), indica a prefeita interina Vanda Camilo (PP) com 62% das intenções de voto e Enelvo Felini (PSDB) com 38%.

Ainda segundo o instituto, os dados da pesquisa se referem ao cenário estimulado e somente com os votos válidos. Foram entrevistadas 511 pessoas entre 8 e 10 de junho e a margem de erro é de 4.3%. O índice de confiação é 95% e a pesquisa está registrada como MS 00152/2020 no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul).

Os eleitores da cidade, distante 70 quilômetros de Campo Grande, vão às urnas no domingo (13) na eleição suplementar, marcada devido ao impedimento de Daltro Fiuza (MDB).

Eleito em novembro de 2020, ele não pode assumir o mandato por ter sido condenado pelo TCU (Tribunal de Contas da União), TCE (Tribunal de Contas do Estado) e TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), por improbidade administrativa na época em que era prefeito da cidade. Ele já foi chefe do Executivo entre 2005 e 2012. 

Jornal Midiamax