Política

Deputado de MS pede revisão da tabela salarial dos professores convocados

Solicitação foi feita ao Governo do Estado e Secretaria de Educação

Renata Volpe Publicado em 07/12/2021, às 12h24

Deputado Pedro Kemp (PT) é autor do pedido
Deputado Pedro Kemp (PT) é autor do pedido - Luciana Nassar, Alems, Arquivo

Os professores convocados representam a maioria na Rede Estadual de Ensino de Mato Grosso do Sul, mas recebem 32% menos do que os efetivados. Com essa justificativa, o deputado Pedro Kemp (PT) solicitou ao Governo do Estado e Secretaria de Educação, pela revisão da tabela salarial dos profissionais, nesta terça-feira (7). 

Segundo Kemp, dos 20 mil profissionais convocados, mais de 12 mil são contratados. “A redução dos seus vencimentos pelo Executivo em 2019 causou insatisfação à categoria que anseia por equiparação salarial aos professores efetivos”. 

Conforme o parlamentar, isso reflete no ensino, e também gera desconforto no ambiente de trabalho. Ele também lembrou a situação financeira do Estado atualmente. “O Estado vive uma situação financeira mais confortável, permitindo ao governador anunciar uma série de medidas aos que vivem em vulnerabilidade social; e ainda vários projetos beneficiando as categorias de servidores públicos, com 10% de reajuste, e aumento e reorganização de outras carreiras, mas ainda é preciso ajustar o salário dos professores convocados”, disse.

Com assessoria

Jornal Midiamax