Política

Câmara vota projeto que institui equoterapia em Campo Grande nesta terça-feira

Projeto visa atender pessoas em situação de vulnerabilidade social

Dândara Genelhú Publicado em 20/09/2021, às 19h01

None
Foto: Arquivo Midiamax.

Nesta terça-feira (21), a Câmara de Campo Grande vota o projeto de lei nº 9.967/2021, que institui um projeto de equoterapia no município. Além dessa proposta, outras duas serão votadas e dois projetos de resolução estão na pauta dos vereadores.

O projeto é de autoria do vereador Carlão (PSB) e do vereador João César Matogrosso (PSDB), que assumiu cargo de secretário no Governo de MS. Conforme a proposta, a equoterapia seria ofertada para pessoas em vulnerabilidade social. Além do tratamento e bem-estar dos cidadãos que poderão participar da terapia, o projeto visa a parceria entre a prefeitura municipal e centros de equoterapia.

Também estão na pauta os projetos de lei nº 10.051/2021, que cria o ‘Programa de Contribuição Voluntária para o Fundo Municipal do Bem-estar Animal’. A proposta é de autoria do presidente da Casa, Carlão e do vereador, Tiago Vargas (PSD).

O projeto de lei nº 10.188/2021 declara de utilidade pública municipal a entidade ‘Koch El Shaday’, com autoria do vereador Ronilço Guerreiro (Podemos). Dois projetos de resolução entram em votação simbólica na Câmara.

Para instituir a medalha do legislativo ‘Anjos da Guarda’, os vereadores devem votar o projeto de resolução nº 479/2021. De autoria do vereador Victor Rocha (PP), a proposta é homenagear os profissionais de saúde que trabalham na linha de frente no combate ao coronavírus.

Por fim, o projeto de resolução nº 481/2021 visa a criação da medalha legislativa ‘Dr. Rui de Oliveira Luiz’. Ela será concedida para todos os cidadãos que se destacarem no combate à criminalidade em Campo Grande. O autor é o vereador Dr. Loester (MDB).

Jornal Midiamax