Política

ALEMS debate exibição de vídeos sobre uso de drogas nos cinemas

Proposta deve entrar na pauta de votação nesta quinta-feira (21)

Marcelo Nantes Publicado em 20/10/2021, às 17h35

ALEMS vai debater a exibição de vídeos educativos nas salas de cinema
ALEMS vai debater a exibição de vídeos educativos nas salas de cinema - Arquivo

As salas de cinema de Mato Grosso do Sul podem ser obrigadas a divulgar vídeos educativos sobre uso de drogas ilícitas antes da exibição dos filmes. A iniciativa consta no Projeto de Lei 298/2021, de autoria do deputado Lucas de Lima (Solidariedade) e que deve entrar na pauta de votação da ALEMS (Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso do Sul).

De acordo com a proposta, os vídeos terão duração máxima de dois minutos. Os temas deverão incluir as consequências do abuso de drogas lícitas e ilícitas; do uso indevido de medicamentos e da relação com a violência; e abordar a recuperação dos usuários e a participação da família de dependentes químicos.

 “O principal alvo dos traficantes e do mercado são os jovens e adolescentes”, considera Lucas de Lima. Para o parlamentar, “o cinema é um meio de informação, comunicação e entretenimento que abrange várias camadas da sociedade, assim como, várias faixas etárias, em especial os mais jovens”.

Depois de lido na sessão, o projeto seguirá para análise da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR). Caso receba parecer favorável quanto à constitucionalidade, continua tramitando com análises e votações dos deputados nas comissões de mérito e no plenário.  

Jornal Midiamax