Política

Alan Guedes garante pagamento de piso nacional para agentes de saúde em Dourados

O prefeito de Dourados, Alan Guedes, garantiu que irá pagar o piso nacional para os agentes comunitários de saúde e endemias do município. O compromisso foi assumido durante  reunião com representantes da categoria nesta segunda-feira (8). Durante a o encontro, o prefeito recebeu uma lista de reivindicações dos servidores que atuam na área, entre elas […]

Marcos Morandi Publicado em 08/02/2021, às 09h45 - Atualizado às 10h01

Prefeito recebeu representantes dos agentes de saúde. (Foto: Leandro Silva)
Prefeito recebeu representantes dos agentes de saúde. (Foto: Leandro Silva) - Prefeito recebeu representantes dos agentes de saúde. (Foto: Leandro Silva)

O prefeito de Dourados, Alan Guedes, garantiu que irá pagar o piso nacional para os agentes comunitários de saúde e endemias do município. O compromisso foi assumido durante  reunião com representantes da categoria nesta segunda-feira (8).

Durante a o encontro, o prefeito recebeu uma lista de reivindicações dos servidores que atuam na área, entre elas o pagamento do novo valor do piso salarial nacional conforme a lei federal 13.708/2018, e o repasse integral do valor do incentivo adicional dos agentes de saúde.

Segundo a presidente do Sindracse (Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate a Endemias), Silvia Salgueiro, o piso –  que é federal, ficou congelado quatro anos e depois de diversas tratativas em Brasília, foi determinado um escalonamento em três parcelas da correção dos atrasos, contando a partir de 2019, chegando em 2021 ao valor de R$ 1.550.

“Essas parcelas vêm para o município no início de cada ano. Em 2019, nós tivemos que encher a Câmara para que a gestão fizesse o pagamento, mas teve um erro e foi incluído apenas um ano. Em 2020, tivemos que ir para o legislativo fazer a cobrança novamente. Esse ano, como Alan já acompanhou a situação enquanto vereador, apresentamos o ofício e vamos receber o valor correto já no pagamento de fevereiro”, explicou Silvia.

O agente comunitário e vice-presidente do sindicato, Marco Aurélio Amorim Bonetti, destacou que, apesar de ser lei nacional, muitos gestores no Brasil não cumprem a obrigação. “Nós de Dourados estamos recebendo conforme determina a lei, é uma vitória”, pontuou.

O prefeito destacou a importância dos profissionais pela proximidade que têm com a população. “Precisamos manter o diálogo com essa e com todas as categorias que fazem parte da cadeia multidisciplinar da saúde”, finalizou.

Jornal Midiamax