Política

Só vou decidir candidatura quando for pra valer, diz Marçal Filho sobre Dourados

O deputado estadual Marçal Filho (PSDB) afirmou que não é pré-candidato a prefeito em Dourados, cidade a 233 quilômetros de Campo Grande, mesmo com o partido anunciando seu nome à disputa. O parlamentar disse ainda que quando decidir disputar, será para valer. Filho se mostrou incomodado com a questão de pré-candidatura. “Não sou pré-candidato. Não […]

Renata Volpe Publicado em 10/02/2020, às 13h04 - Atualizado às 14h40

Proposta é de autoria do deputado Marçal Filho (PSDB). (Wagner Guimarães, Alems)
Proposta é de autoria do deputado Marçal Filho (PSDB). (Wagner Guimarães, Alems) - Proposta é de autoria do deputado Marçal Filho (PSDB). (Wagner Guimarães, Alems)

O deputado estadual Marçal Filho (PSDB) afirmou que não é pré-candidato a prefeito em Dourados, cidade a 233 quilômetros de Campo Grande, mesmo com o partido anunciando seu nome à disputa. O parlamentar disse ainda que quando decidir disputar, será para valer.

Filho se mostrou incomodado com a questão de pré-candidatura. “Não sou pré-candidato. Não vou colocar pré-candidatura que chega lá na frente e não é candidato por uma razão ou outra”.

O deputado disse que para ser candidato depende da aprovação do partido. “Só vou colocar meu nome como candidato se eu for candidato, quando eu decidir”.

Ele ainda informou que as candidaturas começam a se desenhar em abril, quando encerra a janela partidária. “É o período que atrai mais gente (para filiação), mas as convenções são em julho, porém sempre se antecipa o processo”. 

Questionado sobre a possibilidade do PSDB apoiar o pré-candidato do DEM, deputado Barbosinha, Marçal Filho foi taxativo ao responder que só vai conversar no momento exato sobre eleições 2020. “Interesse tem (em ser candidato). Eu nasci em Dourados, tenho paixão por lá. Gostaria de ser prefeito principalmente em um um momento como esse que a população não está satisfeita isso te dá mais vontade de fazer melhor para as pessoas”.

Jornal Midiamax