Política

ELEIÇÕES 2020: Com 57,13% dos votos, Dr. Lidio é o prefeito eleito de Iguatemi

Dr. Lidio (PP) recebeu 4.317 votos, impediu a reeleição de Patricia (PSDB) e garantiu administração de Iguatemi até 2024.

Jones Mário Publicado em 15/11/2020, às 22h06 - Atualizado às 22h06

Dr. Lidio (PP), prefeito eleito de Iguatemi (Foto: Reprodução/TSE)
Dr. Lidio (PP), prefeito eleito de Iguatemi (Foto: Reprodução/TSE) - Dr. Lidio (PP), prefeito eleito de Iguatemi (Foto: Reprodução/TSE)

Dr. Lidio (PP) é o prefeito eleito de Iguatemi – localizada a 360 quilômetros de Campo Grande. O candidato recebeu 57,31% dos votos válidos. O vice-prefeito eleito é Zé Roberto (MDB).

O resultado das eleições de 2020 em Iguatemi foi confirmado há pouco pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), que contabilizou 7.849 votos no município. Segundo o tribunal, a cidade tinha 10.224 eleitores aptos a votar.

O resultado impede a reeleição de Patrícia Nunes (PSDB), da coligação “Seguir em Frente” (PSDB, PSD, Patriota e Democratas) , que recebeu 3.240 votos (42,87%).

Dr. Lidio, da coligação “Juntos Faremos Mais” (PDT, MDB, PL, Cidadania e PP), teve 4.317 votos.

Perfil do prefeito eleito de Iguatemi

Lidio Ledesma tem 69 anos e é médico. Além disso, já foi prefeito de Iguatemi, eleito em 2004, bem como seu vice, José Roberto Arcoverde (2009 a 2016).

Casado, Dr. Lidio é nascido em Iguatemi e declarou à Justiça Eleitoral um patrimônio de R$ 645,8 mil.

Iguatemi tem 16.176 habitantes, segundo estimou para 2020 o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O orçamento anual do município é de aproximadamente R$ 50 milhões.

Últimos prefeitos de Iguatemi

A cidade de Iguatemi teve três prefeitos num intervalo de 15 anos. Em 2004, Lidio Ledesma venceu as eleições. Em 2008, José Roberto Arcoverde foi o escolhido pela população para administrar o município, feito que se repetiu em 2012. Já Patricia Nunes assumiu após vitória no pleito de 2016.

Jornal Midiamax