Política

Cargo de vice está mais disputado do que de prefeito, diz Adriane Lopes

A vice-prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (Patriota), comentou que o cargo de vice está mais disputado do que o de prefeito. Ela participou de evento realizado nesta sexta-feira (13) na ALMS (Assembleia Legislativa) destinado às mulheres do Estado. O comentário da vice-prefeita diz respeito a movimentação política na pré-campanha. Isso porque, ao que tudo […]

Renata Volpe Publicado em 13/03/2020, às 12h53 - Atualizado em 19/07/2020, às 20h13

Vice-prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes.(Leonardo de França, Midiamax)
Vice-prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes.(Leonardo de França, Midiamax) - Vice-prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes.(Leonardo de França, Midiamax)

A vice-prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (Patriota), comentou que o cargo de vice está mais disputado do que o de prefeito. Ela participou de evento realizado nesta sexta-feira (13) na ALMS (Assembleia Legislativa) destinado às mulheres do Estado.

O comentário da vice-prefeita diz respeito a movimentação política na pré-campanha. Isso porque, ao que tudo indica, o PSDB vai apoiar a reeleição do prefeito Marquinhos Trad (PSD) e sugerir o nome de candidato a vice-prefeito. Nomes dos tucanos como o presidente da Câmara Municipal, João Rocha e do secretário especial de Governo, Carlos Alberto Assis já foram cotados várias vezes como possíveis candidatos.

Sobre a situação, Adriane diz nunca ter visto tanta concorrência assim. “Eu nunca ouvi dizer que existia tanta concorrência para vice e que vice se candidatava, mas nessa eleição está acontecendo”. 

Ela atribui isso aos feitos realizados por ela desde que ocupou o cargo, três anos e meio atrás. “O cenário político de Campo Grande com o histórico de vice-prefeito é crítico. Quando entrei, dei visibilidade, quis fazer diferente, esses três anos e meio de trajetória me deu experiências boas”.

Adriane Lopes diz não saber sobre seu futuro político. “Estamos em construção. A gente ouve rumores, as pessoas falam muito de uma recondução, mas só podemos afirmar, todas as tratativas ainda não foram encerradas, mas enquanto isso, vamos trabalhando conquistando mais coisas para a cidade”.

A vice-prefeita comentou não ter pretensão de parar com a vida política, caso não seja escolhida para continuar como vice. “Não vou parar, me posicionei politicamente, não sei qual cargo vou disputar, uma certeza eu tenho que não vou parar”.

Sobre a possibilidade de disputar uma cadeira na Câmara de Vereadores, Adriane Lopes foi enfática na resposta. “Estamos trabalhando, mas não posso antecipar campanha política, enquanto isso tenho que continuar. A única certeza que tenho hoje é que não sou candidata a vereadora pelo meu partido em Campo Grande”.

Pela movimentação política na cidade, Adriane tem sido procurada por outros partidos. “Outros partidos já me procuraram, mas estamos num casamento que deu certo, os partidos sondam pois é momento de especulação. Não realizo trabalho como candidata, mas sim como vice. Conquistei espaço na vice-prefeitura, o Marquinhos me respeita como sua colega de trabalho e como mulher. Não estou ali para ocupar cadeira quando ele está ausente”.

Jornal Midiamax