Política

Relatório da LDO que prevê R$ 15,8 bilhões será lido amanhã, diz deputado

O relatório da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) do Governo de Mato Grosso do Sul será apresentado na quinta-feira (dia 27). Segundo o relator da peça, o deputado Marçal Filho (PSDB), ‘menos de 10 emendas’ deverão ser anexadas ao projeto original. A Lei de Diretrizes Orçamentárias prevê a receita e metas do Estado para o […]

Mayara Bueno Publicado em 26/06/2019, às 11h36

Deputados durante votação na Assembleia (Luciana Nassar, ALMS, Arquivo).
Deputados durante votação na Assembleia (Luciana Nassar, ALMS, Arquivo). - Deputados durante votação na Assembleia (Luciana Nassar, ALMS, Arquivo).

O relatório da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) do Governo de Mato Grosso do Sul será apresentado na quinta-feira (dia 27). Segundo o relator da peça, o deputado Marçal Filho (PSDB), ‘menos de 10 emendas’ deverão ser anexadas ao projeto original.

A Lei de Diretrizes Orçamentárias prevê a receita e metas do Estado para o próximo ano. Em 2020, a previsão é R$ 15,8 bilhões.

Ainda de acordo com Riedel, as sugestões contemplam segurança pública, turismo e infraestrutura. O relatório será lido e votado na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), amanhã, a partir das 8 horas. Depois de aprovado, o texto vai para Comissão de Execução Orçamentária.

Já a votação em plenário, que contempla a análise pelos 24 deputados estaduais, está prevista para 4 de julho, em primeira discussão. O projeto chegou na CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) no dia 19 deste mês.

Jornal Midiamax