Política

PF assina acordo de cooperação com o Tribunal de Contas para troca de informações

A PF (Polícia Federal) de Mato Grosso do Sul e o TCE (Tribunal de Contas do Estado) assinaram nesta sexta-feira (2) um acordo de cooperação técnica e operacional para troca de informações obtidas pelas duas instituições, dando acesso aos banco de dados de ambos. O acordo tem validade de cinco anos. Periodicamente, o TCE vai […]

Nyelder Rodrigues Publicado em 02/08/2019, às 14h56

(Divulgação/PF)
(Divulgação/PF) - (Divulgação/PF)

A PF (Polícia Federal) de Mato Grosso do Sul e o TCE (Tribunal de Contas do Estado) assinaram nesta sexta-feira (2) um acordo de cooperação técnica e operacional para troca de informações obtidas pelas duas instituições, dando acesso aos banco de dados de ambos. O acordo tem validade de cinco anos.

Periodicamente, o TCE vai enviar à Polícia Federal as bases de dados da execução orçamentária estadual e municipal, das licitações e contratos estaduais e municipais e dos servidores públicos estaduais e municipais.

O cruzamento de dados vai permitir o aperfeiçoamento das investigações realizadas pela PF no Estado. A troca de informações deve acontecer, conforme a PF, preferencialmente por meio eletrônico, através de ‘web service’.

Também está previsto na cooperação a realização de trabalhos conjuntos em áreas de interesse comum, atuando em parceria no planejamento, implementação e acompanhamento de ações de desenvolvimento do acordo, que inclui intercâmbio técnico.

De acordo com o superintendente da PF em MS, Cleo Mazzotti, a possibilidade de acesso pela PF aos bancos de dados do TCE possibilitará um incremento das investigações. “Após a deflagração, com as autorizações judiciais devidas, o acordo permitirá ao TCE uma atitude pró ativa, impedindo novas fraudes e que novos desvios ocorram”.

Jornal Midiamax