Política

No comando da Saúde, Geraldo destaca reforço na regionalização e conclusão de hospitais

O novo titular da SES (Secretaria de Estado de Saúde), Geraldo Resende (PSDB), afirmou na tarde desta terça-feira (1º) que sua gestão à frente da pasta terá como destaque a finalização do processo de regionalização da saúde. À imprensa, Resende destacou que já teve experiência no mesmo cargo há 18 anos e que tem motivação […]

Guilherme Cavalcante Publicado em 01/01/2019, às 17h14 - Atualizado às 17h31

O secretário de Saúde Geraldo Resende (Foto: Marcos Ermínio | Midiamax)
O secretário de Saúde Geraldo Resende (Foto: Marcos Ermínio | Midiamax) - O secretário de Saúde Geraldo Resende (Foto: Marcos Ermínio | Midiamax)

O novo titular da SES (Secretaria de Estado de Saúde), Geraldo Resende (PSDB), afirmou na tarde desta terça-feira (1º) que sua gestão à frente da pasta terá como destaque a finalização do processo de regionalização da saúde.

À imprensa, Resende destacou que já teve experiência no mesmo cargo há 18 anos e que tem motivação forte para auxiliar o governo de Reinaldo Azambuja (PSDB) a executar uma gestão eficiente nos próximos quatro anos.

“Nosso foco principal é finalizar a regionalização da saúde, sobretudo, com a conclusão de obras como o hospital de Três Lagoas e de Dourados, que são pontos importantes nessa estratégia”, declarou o secretário.

O secretário também destacou que projetos como a Caravana da Saúde, que percorre regiões de MS a fim de diminuir a espera de pacientes por consultas, exames e cirurgias eletivas, deverão continuar.

“São pessoas que clamavam pela execução de serviços de saúde há dez, vinte anos. Mas esperamos que o projeto auxilie os hospitais a manter o ritmo nesse processo de regionalização”, concluiu.

Jornal Midiamax