Política

Vereadores repudiam ‘caos na saúde’ após morte de idoso na UPA Leblon

Delegado Wellington e Valdir Gomes usaram o plenário para falar de caso

Joaquim Padilha Publicado em 05/06/2018, às 11h45 - Atualizado às 19h18

None

Durante a sessão da Câmara de Campo Grande desta terça-feira (5), vereadores utilizaram o plenário para comentar o caso do idoso de 74 anos que morreu enquanto aguardava atendimentona UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Leblon, na madrugada deste domingo (3).

Para o vereador Delegado Wellington, “isso não pode acontecer” em Campo Grande, uma vez que, segundo o parlamentar, haveria um total de R$ 1,2 bilhão de investimentos anuais na saúde pública da capital.

O parlamentar disse ainda que essa situação “mostra o caos da saúde pública”. “Eu estive na UPA Leblon depois do caso. Vi pacientes chegarem às 8h da manhã e serem atendidos às três da tarde”, relatou.

O vereador Valdir Gomes (PP) disse que também já denunciou a situação da demora de atendimentos na saúde pública de Campo Grande, e lembrou que, por causa da reclamação, foi alvo de nota de repúdio do Sinmed-MS (Sindicato dos Médicos de MS).

“Fui alvo de nota de repúdio, e parece que a coisa segue do mesmo jeito”, declarou o parlamentar, que à época disse que sua reclamação era sobre a falta de atendimentos, e não sobre os médicos. “É preciso rever o planejamento das UPAS de Campo Grande”, afirmou.

Idoso morre em espera de atendimento

Um vídeo publicado pelo Jornal Midiamax nesta segunda-feira (4) mostra o momento em que Miguel Lisboa, 74 anos, morre enquanto aguardava atendimento na UPA Leblon. Uma médica pediatra tenta reanimá-lo na gravação.

Segundo sua filha, o idoso teria dado entrada na unidade por volta das 4h10 do domingo, e teria passado apenas pela triagem. A família relata que o médico clínico-geral que o atendeu interrompeu o atendimento.

De acordo com o relato dos parentes, Miguel apresentava pressão alta e vinha se queixando de muita queimação no estômago e falta de ar. Dado momento, o idoso se levantou, foi para a área externa, caiu e desmaiou, vindo a óbito logo em seguida.

Jornal Midiamax