Política

Vereadores aprovam câmeras de vigilância em prédios da Prefeitura

Mais quatro  propostas foram aprovadas pela Câmara

Richelieu Pereira Publicado em 15/02/2018, às 16h50

None

Mais quatro  propostas foram aprovadas pela Câmara

Os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande aprovaram, na sessão desta quinta-feira (15), o projeto de lei que autoriza a Prefeitura a instalar câmeras de videomonitoramento nos prédios, espaços e órgãos públicos da Capital. Mais quatro propostas também passaram pelo crivo dos parlamentares.

Um dos objetivos do monitoramento por câmeras seria aumentar a segurança em escolas e Ceinfs, por exemplo, e dar mais liberdade para a Guarda Municipal fazer patrulhamento ostensivo nas proximidades das instituições municipais, de acordo com o autor da proposta vereador André Salineiro (PSDB).Vereadores aprovam câmeras de vigilância em prédios da Prefeitura

Durante a sessão, Salineiro questionou a contratação de 150 agentes patrimoniais para atuarem em escolas e Ceinfs da Capital, que não seriam capacitados para esse fim, e defendeu o videomonitoramento como forma mais eficaz de auxiliar na segurança.

Agora a proposta segue para sanção do prefeito Marquinhos Trad (PSD). Assim como mais quatro propostas aprovadas nesta quinta.

A que institui o “Dia Municipal de Conscientização e Divulgação da Fibrose Cística”; o projeto que institui o Dia Municipal de Mobilização pelo Fim da violência contra a mulher; e o que institui a Semana de Conscientização dos Direitos dos Animais na Capital.

Em regime de urgência, também foi aprovado o projeto que denomina de Professora Maria Regina de Vasconcelos Galvão, a escola municipal localizada na rua José Pedrossian, entre a avenida Delegado Alfredo Hardman e a rua Lorenzo Torres Cintas, parcelamento Varandas do Campo, bairro Centro-Oeste.

*Foto: Izaias Medeiros/CMCG

Jornal Midiamax