Política

Reeleito deputado federal, Dagoberto diz que Congresso conservador é ruim para o trabalhador

Entrevistado desta segunda-feira (8) no Jornal Midiamax, o deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT), reeleito no domingo (7), afirmou que um Congresso conservador ‘pode ser ruim para a classe trabalhadora’. Na bancada federal por Mato Grosso do Sul, oito dos quatro deputados foram reeleitos. “Foi uma eleição do ódio contra a raiva. Concentrada em Haddad e […]

Evelin Cáceres Publicado em 08/10/2018, às 13h28 - Atualizado em 09/10/2018, às 13h33

Foto: Arquivo Midiamax.
Foto: Arquivo Midiamax. - Foto: Arquivo Midiamax.

Entrevistado desta segunda-feira (8) no Jornal Midiamax, o deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT), reeleito no domingo (7), afirmou que um Congresso conservador ‘pode ser ruim para a classe trabalhadora’.

Na bancada federal por Mato Grosso do Sul, oito dos quatro deputados foram reeleitos. “Foi uma eleição do ódio contra a raiva. Concentrada em Haddad e Bolsonaro”, analisou.

O parlamentar disse entender a revolta da população com a classe política. “São 14 milhões de desempregados. Um governo com 21 ministros e 19 deles na Lava Jato. Tudo deu errado. As pessoas se enojaram da classe política, porque esses fatos agrediram a população brasileira”.

Confira abaixo a entrevista na íntegra:

Jornal Midiamax