Política

Entidades reclamam de atraso de repasses que somam R$ 6 milhões

Líder agendou reunião com secretário de finanças  

Ludyney Moura Publicado em 22/02/2018, às 14h34

None

Líder agendou reunião com secretário de finanças

Um grupo de entidades de assistência social com atuação na Capital procurou a Câmara de Vereadores para reclamar da demora de repasses oriundos de verbas parlamentares do ano passado. A solicitação por apoio foi feita na sessão desta quinta-feira (22).

Quem ocupou a tribuna da Casa de Leis para falar em nome das entidades foi coordenadora do Fórum Municipal de Assistência Social, Suely Gomes. Segundo ela, algumas instituições estão passando por dificuldades sem os recursos público, que somam R$ 6 milhões, cerca de R$ 180 mil para 79 destinatários.

Ela cobrou dos vereadores respostas para o atraso do repasse, cujos recursos já estariam liberados no caixa do município desde outubro de 2017, e seriam oriundos do Governo Federal, com destinação exclusiva para entidades de assistência social.

A vereadora Dharleng Campos (PP) revelou que já havia sido procurada por representantes de outras instituições, e que obteve junto à SAS (Secretaria Municipal de Assistência Social) informação de que documentos das entidades haviam sido extraviados dentro da própria secretaria.

O líder do prefeito na Câmara, vereador Chiquinho Telles (PSD), acredita que a falta de documentação por parte das entidades possa ser um dos entraves na liberação dos recursos. Ele agendou para às 15h desta quinta-feira um encontro entre representantes das instituições com o secretário municipal de finanças, Pedro Pedrossian Neto.

Jornal Midiamax