Política

Em festa da colônia japonesa, presença de políticos vira principal atração

Postulantes a cargos eletivos entraram na brincadeira e fizeram parte das competições

Richelieu Pereira Publicado em 06/05/2018, às 14h46 - Atualizado às 16h19

Marquinhos Trad, Antônio Lacerda e André Puccinelli participaram do evento.
Marquinhos Trad, Antônio Lacerda e André Puccinelli participaram do evento. - Marquinhos Trad, Antônio Lacerda e André Puccinelli participaram do evento.

Criada para aproximar gerações de ascendência japonesa, a 33ª edição do Undokai, neste domingo (6/5), além de atrair famílias de japoneses, chamou a atenção pela presença de figuras políticas do Estado. Entre os principais nomes, estavam o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), o prefeito Marquinhos Trad (PSD), e o ex-chefe do Executivo André Puccinelli (MDB).

O evento anual é tradicional em Campo Grande e conta com uma série de atividades de gincana com 23 provas esportivas que ocorrem ao longo do dia. A expectativa da organização é de reunir 3 mil pessoas neste ano, que além das competições oferece opção de lazer e culinária para os frequentadores, de espetinhos a pastéis.

Com eleições marcadas para outubro, o evento reuniu postulantes a cargos de deputado estadual, federal, senador e govenador. Além dos já citados, participaram Pedro Chaves (PRB), Nelsinho Trad (PTB), Waldemir Moka (MDB), Fábio Trad (PSD), entre outros.

Entre as principais siglas com candidaturas na majoritária, só não tiveram representantes PT, PDT e DEM. No entanto, a reportagem esteve no local somente durante toda a manhã. Como o evento segue até o início da noite, nada impede que no restante do dia alguém dessas legendas compareça por lá.

No momento de mais descontração, no aquecimento para as competições, todos os que devem pedir voto da população daqui cinco meses colocaram o corpo para se movimentar (o que pode ser conferido no vídeo ao fim do texto).

Na sequência, participaram da gincana mais famosa a “Copa do Mundo”, que consiste em quatro equipes formadas por quatro integrantes que se revezam na condução de uma bola de futebol até dar a volta em uma haste e retornar ao ponto de partida. Tudo isso com um cone na cabeça limitando o campo de visão. Esse momento pode ser conferido clicando aqui.

A brincadeira marcou o primeiro embate do ano entre Reinaldo e Puccinelli, que deve se repetir em outubro. E desta vez quem levou a melhor foi o atual mandatário do Parque dos Poderes, que em sua equipe teve Nelsinho, Marquinhos e o secretário estadual de Administração, Carlos Alberto de Assis (PSDB).

Jornal Midiamax