Política

Eleitores reclamam de longas filas que se estendem por zonas eleitorais durante todo o dia

As longas filas para a votação seguem dando dor de cabeça nos eleitores neste domingo (7). Na Escola Municipal Geraldo Castelo, no centro de Campo Grande, algumas pessoas precisaram de horas para escolher seus candidatos e estariam partindo para sua segunda e até terceira tentativa de votar. O estudante Tiago Pastorello demorou cerca de 45 […]

Vinícius Costa Publicado em 07/10/2018, às 16h53

(Foto: Minamar Júnior)
(Foto: Minamar Júnior) - (Foto: Minamar Júnior)
Eleitores reclamam de longas filas que se estendem por zonas eleitorais durante todo o dia
(Foto: Minamar Júnior)

As longas filas para a votação seguem dando dor de cabeça nos eleitores neste domingo (7). Na Escola Municipal Geraldo Castelo, no centro de Campo Grande, algumas pessoas precisaram de horas para escolher seus candidatos e estariam partindo para sua segunda e até terceira tentativa de votar.

O estudante Tiago Pastorello demorou cerca de 45 minutos para votar e credita as longas filas por causa da biometria e a indecisão pelos seis cargos a serem definidos. “É uma mescla, tem também a procura pelas zonas que causa confusão”.

Na escola, estão designadas seis seções para votação e o contraste das filas eram surpreendentes. Em uma única seção, a fila chegava a se estender por metros, enquanto as outras seções, existia um pequeno número de pessoas.

A eleitora Maeda Matsuoka se indignou pelo fato da fila estar longa e se preocupar pelo tempo perdido para votar. “Isso é de se indignar, vai ser de uma hora a uma hora e meia, colocaram todas as pessoas numa seção só”.

Para justificar a demora, a presidente dos mesários, Almerinda de Moraes relatou que a biometria era um dos problemas, já que algumas pessoas precisavam de quatro tentativas. “Quando não dava, colocamos a data de nascimento e o nosso indicador para liberar a votação”, afirma.

No colégio Liceu, próximo a avenida Júlio de Castilho, a reclamação dos eleitores era por falta de organização. As filas se misturavam e causavam confusão, nem as preferenciais estavam sendo respeitadas. Na escola, havia três seções e as filas se prolongavam desde a manhã.

Jornal Midiamax