STF autoriza nova fase da Lava-Jato com busca e apreensão nesta sexta

Um dos alvos é um advogado ligado a Renan Calheiros
| 28/04/2017
- 15:29
STF autoriza nova fase da Lava-Jato com busca e apreensão nesta sexta

Um dos alvos é um advogado ligado a Renan Calheiros

A Polícia Federal realiza na manhã desta sexta-feira (28) uma nova fase da Lava-Jato autorizada pelo ministro relator da Lava-Jato no STF (Supremo Tribunal Federal), Edson Fachin.

Segundo o Jornal O Globo, um dos alvos de mandado de busca e apreensão é o advogado ligado ao senador Renan Calheiros (PMDB-AL), Bruno Mendes, em Brasília.

A operação é desdobramento de uma outra investigação deflagrada em março, batizada de Satélites.

Esta dá continuidade à primeira ação com base na delação de executivos da Odebrecht, deflagrada em março, onde também envolveu endereços ligados a Renan, ao presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e os também senadores Valdir Raupp (PMDB-RO) e Humberto Costa (PT-PE).

 

Veja também

Lista com atos de promoção foi divulgada em edição extra de sexta-feira (1º)

Últimas notícias