Política

Sobre reajuste a servidores, Marquinhos diz que tem ‘boa vontade em ouvir’

Não pode ferir Lei da Responsabilidade Fiscal

Jessica Benitez Publicado em 13/02/2017, às 13h36

None
marquinhos_trad-_dg_0.jpg

Não pode ferir Lei da Responsabilidade Fiscal

Questionado sobre pedidos de negociação salarial, o prefeito de Campo Grande Marquinhos Trad (PSD) disse ter boa vontade em ouvir as categorias, contudo pontou o dever de respeitar a LRF (Lei da Responsabilidade Fiscal) que limita o gasto da Prefeitura com a folha de pagamento, fato que é explicado para cada área.

Ele citou que professores, sindicato dos funcionários públicos, pessoa que foram aprovadas em concurso e aguardam serem chamadas, já o procuraram. Mas, como o objetivo de todos é alcançar aumento significativo, é necessário analise para que tanto a gestão quanto a própria população não sejam prejudicadas.

“Estou explicando a cada categoria até que ponto a Prefeitura pode chegar sem causar transtorno e mim como gestor e à sociedade como um todo”, disse durante agenda pública na manhã desta segunda-feira (13). 

(Foto Arquivo Midiamax)

Jornal Midiamax