Política

Reinaldo sanciona reajuste de 2,94% para servidores de MS em outubro

Comissionados e órgãos que já tiveram reajuste estão de fora

Joaquim Padilha Publicado em 29/09/2017, às 10h38

None

Comissionados e órgãos que já tiveram reajuste estão de fora

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) sancionou nesta sexta-feira (29) o projeto de lei que fixa o reajuste dos servidores estaduais para o ano de 2017. Ficou mantido índice de 2,94% de reajuste com efeito retroativo em setembro.

O projeto exclui os servidores comissionados do Poder Executivo. Servidores de órgãos da Justiça e Legislativo, como o Ministério Público Estadual, a Assembleia Legislativa, a Defensoria Pública e o Tribunal e o Ministério Público de Contas, também não terão o reajuste, por já terem tido seus salários corrigidos anteriormente.

A proposta de lei foi aprovada pela Assembleia Legislativa ainda na última quarta-feira (27). Com a aprovação do projeto, elaborado pelo governador Reinaldo Azambuja, o reajuste já deve ser aplicado a partir do mês de outubro.Reinaldo sanciona reajuste de 2,94% para servidores de MS em outubro

Professores

Professores também terão um reajuste diferenciado, conforme outro projeto de lei específico para a categoria. Além do reajuste de 2,94% em setembro, a classe terá mais 4,7% em dezembro, com base nos índices do ano passado.

Em 2018, a categoria deve ter novo reajuste, com base no mês de outubro. Caso os professores percebam a revisão geral dos servidores estaduais no

Jornal Midiamax