Política

Projeto autoriza governo de MS a emprestar R$ 151 milhões do BID

Dinheiro será usado para modernizar gestão fiscal do Estado

Midiamax Publicado em 17/10/2017, às 20h56

None

Dinheiro será usado para modernizar gestão fiscal do Estado

O governador Reinaldo Azambuja pediu autorização da Assembleia Legislativa para contratar um empréstimo de US$ 47,7 milhões (R$ 151 milhões) do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), para a modernização da gestão fiscal do Estado. O Projeto de Lei (PL) 234/2017, que pede a autorização, deu entrada nesta terça-feira (17) na Casa de Leis.

A operação de crédito será no âmbito do Profisco (Projeto de Modernização da Gestão Fiscal) II MS.

De acordo com a mensagem encaminhada pelo governador à Assembleia Legislativa, o objetivo geral “é contribuir para a sustentabilidade da gestão fiscal, por meio do aperfeiçoamento da gestão fazendária e da transparência fiscal, da administração tributária e do contencioso fiscal e da administração e do gasto público, atendendo às diretrizes estratégicas estaduais”.

No mês passado, Azambuja já havia antecipado a implantação do Profisco 2.

Jornal Midiamax