Política

Mesmo destituída, Tereza convoca filiados do PSB para reunião na Capital

Encontro vai acontecer em um hotel em Campo Grande

Ludyney Moura Publicado em 04/05/2017, às 15h05

None
tereza_psb.jpg

Encontro vai acontecer em um hotel em Campo Grande

Mesmo constando no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) como ‘destituida’ do comando do PSB no Estado, a deputada federal Tereza Cristina convocou os filiados para uma reunião do partido na sexta-feira (5) em Campo Grande.

O convite é feito aos prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, presidentes das executivas municipais e demais filiados para debater ‘os rumos do PSB no Estado de Mato Grosso do Sul’.

Segundo a assessoria da deputada, no encontro, marcado para às 9hs da manhã no Hotel Concord (Av. Calógeras, 1624), ela deve se posicionar oficialmente sobre sua saída do comando da sigla e sobre os rumores de sua saída do PSB.

Assim como Tereza, outros presidentes regionais do pessebistas, dos Estados do Ceará, Roraima e Mato Grosso, também foram destituídos por votarem favoráveis à reforma trabalhista proposta pelo governo do presidente Michel Temer (PMDB).

A deputada, afirmou sua assessoria, não poderá atender a imprensa nesta quinta-feira (4), por compromissos de agenda, um deles no Palácio do Jaburu, em Brasília, residência oficial de Temer.

Segundo o portal oficial do PSB na internet, além de Tereza, em Mato Grosso do Sul o partido tem um deputado estadual licenciado, Barbosinha, atual secretário estadual de justiça e segurança pública, e cinco prefeitos, Aluizio São José (Coxim), Eraldo Jorge Leite (Jateí), José Fernando Barbosa dos Santos (Selvíria), Robinho Samara (Aparecida do Taboado) e Roberto Cavalcanti (Angélica). 

Jornal Midiamax