Política

‘Investigações devem prosseguir’ diz Azambuja sobre denúncia contra Temer

Governador declarou que espera que país passe por "pacificação"

Joaquim Padilha Publicado em 04/08/2017, às 12h12

None

Governador declarou que espera que país passe por “pacificação”

O governador do Estado Reinaldo Azambuja (PSDB) afirmou na manhã desta sexta-feira (4) que acredita que a investigação sobre a denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB), rejeitada pela Câmara dos Deputados na última quarta-feira (2), deve prosseguir. “Todas as investigações devem seguir, inclusive a do presidente”, declarou.

A declaração foi feita durante o Fórum Brasil Central, evento que reúne governadores das regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste do Brasil. O evento também conta com a presença do ministro das Cidades, Bruno Araújo, e do presidente do BNDES, Paulo Rabello Costa.

Para Azambuja, o país precisa passar por uma “pacificação”. “No momento precisamos arcar para que o país possa prosseguir com a retomada do crescimento, investimento, e geração de emprego. Precisamos de uma pauta positiva”, disse o governador.

Durante o Fórum Brasil Central, os governadores irão discutir formas de revitalizar negócios e fortalecer parcerias entre os Estados, além de aumentar a representatividade polícia do Centro Oeste nas articulações com o governo Federal.'Investigações devem prosseguir' diz Azambuja sobre denúncia contra Temer

No evento, estão presentes os governadores de Mato Grosso, Pedro Taques (PSDB), de Goiás, Marcone Perillo (PSDB), do Tocantins, Marcelo Miranda (PMDB), e de Rondônia, Confúcio Moura (PMDB).

Os governadores do Distrito Federal e do Maranhão não compareceram, porém foram representados pela secretária de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos, e pelo vice-governador Carlos Brandão (PSDB).

Jornal Midiamax