Política

Debate sobre Santa Casa tem troca de farpas entre deputados na Assembleia

Paulo Siufi e Beto Pereira trocaram acusações sobre possível dívida

Ludyney Moura Publicado em 08/08/2017, às 14h45

None

Paulo Siufi e Beto Pereira trocaram acusações sobre possível dívida

A situação da Santa Casa da Capital gerou um novo embate entre os deputados Paulo Siufi (PMDB) e Beto Pereira. Desta vez, uma possível dívida com o hospital motivou a discussão entre os parlamentares.

Siufi, que ontem, segunda-feira (7), visitou a Santa Casa, usou a tribuna na sessão nesta terça-feira (8) para acusar o governo estadual de estar devendo R$ 5 milhões ao hospital, referente aos repasses de junho e julho.

“É um Estado caloteiro”, disparou o peemedebista.Debate sobre Santa Casa tem troca de farpas entre deputados na Assembleia

O vice-líder do governo e líder da bancada tucana, Beto Pereira (PSDB), reagiu à fala do colega e exigiua convocação do diretor do hospital, Esacheu Nascimento (PMDB), para prestar esclarecimentos sobre real situação financeira da entidade.

“O mesmo (Esacheu) disse que até agora, nos seis meses da gestão, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) deixou de assumir o que foi pactuado”, rebateu Beto. O presidente da Casa, deputado Junior Mochi (PMDB), explicou que não será convocação, mas sim um convite.

Paulo Siufi afirmou que uma das alegações do município é uma dívida de R$ 20 milhões, herdada da gestão de Alcides Bernal (PP), ainda pendente com o hospital, e que Marquinhos não aceitaria pagar.

O peemedebista questionou o motivo pelo qual o MPE-MS (Ministério Público Estadual) não apurou supostas irregularidades nos repasses da gestão de Bernal para o Hospital.

Apesar do prefeito já ter anunciado que vai está juntando documentos sobre o imbróglio com a Santa Casa para encaminhar ao MPF (Ministério Público Federal), Siufi pontuou que tanto a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), quando o Ministério da Saúde possuem auditores capazes de fazer uma auditoria nas finanças do hospital.

“Vamos chamar a responsabilidade, confirmar dados da dívida que ainda são extraoficiais”, disse o deputado Felipe Orro (PSDB), que revelou que a Casa deve intermediar um encontro entre MPE e direção da Santa Casa entre hoje e amanhã, quarta-feira (9). 

Jornal Midiamax