Política

PMDB pretende lançar 45 candidatos a prefeito no Estado

Lideranças estiveram no diretório estadual nesta sexta

Midiamax Publicado em 24/06/2016, às 16h27

None
86382870_mochinoticia1.jpg

Lideranças estiveram no diretório estadual nesta sexta

Em reunião do diretório estadual na manhã desta sexta-feira (24), o presidente do diretório estadual da sigla, Junior Mochi relatou que o PMDB irá lançar 45 candidatos a prefeito no Estado. Ele e outras lideranças da legenda receberam representantes do interior para debaterem as candidaturas por Mato Grosso do Sul e os diretórios municipais.

Mochi ressaltou que no caso de Caarapó, o PMDB decidiu pela intervenção nomeando uma comissão interventora. “Em Caarapó iremos apoiar o atual prefeito Mário Valério (PR). Decidimos que esta é a melhor opção no local”.

Já em Rio Verde, Mochi disse que deram um prazo para que o ex-prefeito Zé de Oliveira, que é do PMDB, para decidir se será o nome do partido na cidade. “Nós queremos lançá-lo e estamos tentando convencê-lo. Demos um prazo até o dia 30 para que ele, o Zé de Oliveira vai ser candidato ou não. Se ele não aceitar iremos rever outra alternativa”.

O presidente municipal de Rio Verde, Zé Armando (PMDB), reforçou a decisão do representante estadual. “Nós conversamos e vamos tentar convencer o Zé de Oliveira a ser candidato. Ele já foi deputado estadual, vereador duas vezes e prefeito quatro vezes. Para nós seria um ótimo nome para a disputa. Vamos tentar convencê-lo”, disse Armando, que é pré-candidato a vereador.

Ele contou que na cidade, o PMDB pode enfrentar o PSDB, mas que ainda não está nada certo. “O partido do governador está com intuito de lançar Jorge Juiz, o que se for concretizado, assim como o nosso nome, irá ocorrer uma disputa em família, já que ele é sobrinho do Zé de Oliveira”, destacou Armando.

A reunião em Campo Grande contou coma presença, além de Mochi, do ex-governador André Puccinelli, os deputados estaduais Eduardo Rocha, Marcio Fernandes e Renato Câmara e os vereadores Mario Cesar, Carla Stephanini, Vanderlei Cabeludo e Paulo Siufi, assim como o presidente municipal do partido, Ulisses Rocha e outras lideranças.

Jornal Midiamax