Política

Médica sócia de Giroto e secretária de Amorim são liberadas para amamentar

Mariane e Elza conseguiram autorização na Justiça

Ludyney Moura Publicado em 11/05/2016, às 13h03

None
familiamariano.jpg

Mariane e Elza conseguiram autorização na Justiça

A médica endocrinologista, Mariane Mariano, que figura como sócia de Edson Giroto em uma fazenda de Rio Negra, e filha do ex-prefeito de Paranaíba e ex-deputado estadual, Beto Mariana, que teve filho há menos de um mês foi liberada para cumprir pena em casa.

De acordo com o titular do 3º Distrito Policial da Capital, delegado Geraldo Barbosa, Mariane e Elza Cristina dos Santos, sócia da Proteco e secretária do empreiteiro João Amorim, apontada como responsável pelo pagamento de propinas a agentes públicos e empresários, também está com filho pequeno.

As duas alegaram que ainda estão em período de amamentação dos bebês e conseguiram na Justiça o direito de cumprirem a prisão temporária em regime domiciliar.

Continuam detidas no 3º DP duas filhas de João Amorim, Ana Lúcia Amorim e Renata Amorim Agnoletto, Maria Wilma Casanova, ex-diretora da Agesul que chegou a chefiar o gabinete de Edson Giroto em Brasília, quando este foi secretário executivo do Ministério dos Transportes, e a ex-mulher de André Luis Cance, Ana Cristina Pereira da Silva.

A esposa de Giroto, que também é advogado, já havia conseguido na madrugada liberação para cumprir a prisão em regime domiciliar. 

Jornal Midiamax