Política

Cúpula do PSC discute polêmica de Roberto Durães na próxima segunda

O vereador de Campo Grande pode ser punido pelo partido

Midiamax Publicado em 05/05/2016, às 22h19

None
Foto: Reprodução/Web

O vereador de Campo Grande pode ser punido pelo partido

A polêmica envolvendo o vereador da Capital Roberto Durães (PSC), será debatida pelas lideranças do partido na próxima segunda-feira. O fato do parlamentar ter discursado e dito conhecer muito bem a mãe do prefeito Alcides Bernal (PP), insinuado algo afetivo, causou grande repercussão e revolta. Desta forma, a cúpula da legenda irá se reunir e definir qual atitude tomar.

A infomação foi dada pelo presidente municipal da sigla, Jaber Candido. Segundo ele, o partido tem que se posicionar. “Vamos nos reunir na segunda-feira, em horario e lcoal a ser definido ainda. A ideia é discutirmos sobre este assunto e claro tomar alguma atitude. Vamos discutir se o parlamentar sofrerá alguma punião ou iremos elaborar uma nota de esclarecimento, mas o PSC tem que se posiconar”.

Ainda segundo o presidente, a legenda foi pega de surpresa. “Estamos empenhados na pré-candidatura do deputado estadual Coronel Davi e de repente fomos surpreendidos com este fato. Vamos reunir o diretório municipal, estadual, o deputado e o nosso suplente de senador, professor Pedro Chaves, juntamente com o Conselho de Ética”.

Cândido destacou que após esta reunião, irão ouvir o vereador. “Primeiramente iremos conversar e analisar a situação. Na sequência vamos ouví-lo. Ai sim depois decidiremos o que fazer sobre o ocorrido. Nosso partido não decide nada sozinho e sim em conjunto”, finalizou o representante da sigla na Capital .

A fala que causou revolta foi “Eu conheço muito a senhora mãe dele, viu? Eu conheço demais aquela senhora mãe dele… como eu conheço… já que é uma corja, fala pra mãe dele quem sou eu, ainda mais no silêncio dos edredons…". O verador pediu para retirar o trecho da gravação da casa nada sofre, por parte da Câmara Municipal.

Jornal Midiamax