Política

Candidato ‘dá bronca’ em filiada que teria cortado adesivo com sua foto

Confira o áudio  

Midiamax Publicado em 04/09/2016, às 20h03

None
athayde.jpg

Confira o áudio  

Um áudio encaminhado ao Jornal Midiamax com a voz do candidato a prefeito pelo PPS, Athayde Nery, revela um possível desentendimento interno sobre questões ligadas aos materiais de campanha do partido. Aparentemente nervoso, Athayde questiona falta de imagem sua em adesivo de uma candidata ao cargo de vereadora.

“Colocando adesivo aqui com maior sacrifício, não gostaria que houvesse esse desrespeito a minha candidatura. Gostaria que você tivesse essa consideração… Eu não admito esse tipo de conduta. Não precisa colocar se não quiser colocar, mas, se colocar, tem que colocar inteiro”, diz o candidato em trecho do áudio. Ao final, algumas palmas podem ser ouvidas.

Questionado sobre o assunto, Athayde informou que o ‘sermão’ dado no áudio não estava direcionado a uma única pessoa, mas sim a todos os candidatos a vereador. “Na verdade é uma orientação para que os candidatos honrem nossa candidatura, sob a pena de encaminharmos para comissão de ética do partido essa conduta, e posterior expulsão, se for o caso”.

Durante o áudio, Athayde direciona falas para uma mulher chamada ‘Rosângela’, mas o candidato não confirmou um único nome. Disse que falou para vereadores e filiados do partido durante as reuniões. A reportagem consultou lista de candidaturas do PPS e observou o registro de Rosangela Napoleão, porém não há confirmação se ela deixou de colocar a imagem do candidato em seu adesivo.

Sobre o material de campanha citado, Athayde disse que é inadmissível que façam material diverso do que foi definido na convenção. “A candidatura foi uma construção coletiva, o partido precisa ser levado a sério”, diz. 

Escute áudio AQUI

Jornal Midiamax